• COMPONENTE
    ARDUINO UNO

O que é?

O Arduino UNO R3 é uma plataforma de código aberto (open-source), utilizado para o desenvolvimento de projetos eletrônicos. Consiste em uma placa física com circuito programável utilizando o microcontrolador ATmega328p-pu.

O primeiro arduino foi criado em 2005 por um grupo de 5 pesquisadores, dentre eles, Massimo Banzi. O objetivo era elaborar um dispositivo que fosse funcional, de fácil programação e de valor acessível.

O Arduino é ideal para desenvolvimento de projetos de robótica, automação e criação de ambientes interativos. O modelo UNO é atualmente a placa mais comercializada neste segmento, disponibilizando uma grande quantidade de portas I/O e compatibilidade com diversos módulos e shields.

A linguagem de programação utilizada é baseada na linguagem C/C++.
Sua IDE de desenvolvimento está disponível para download gratuitamente no site www.arduino.cc

Arduino UNO
Arduino UNO

Diferenças

Formada por trilhas horizontais, responsáveis pelo contato dos componentes eletrônicos, e por trilhas verticais, constituídas de duas colunas nas laterais, responsáveis pela distribuição de tensão ao circuito.
A conexão entre os pontos em qualquer parte do circuito pode ser realizada através do uso de jumpers (pequenos pedaços de fios com terminais metálicos nas extremidades).

A maioria dos modelos possuem chanfros em suas laterais, possibilitando a união entre protoboards e a utilização de um número maior de componentes.
No desenho ao a seguir é possível observar a estrutura interna da protoboard e como é realizada a união dos pontos.

Pinos metálicos internos sustentam os terminais.

Outros modelos

Por conta da grande popularidade do Arduino, foram desenvolvidos outros modelos de placas semelhantes, variando em suas dimensões e capacidade de processamento, tornando-o cada vez mais adequado para projetos específicos. Veja alguns exemplos de placas a seguir.

Arduino UNO
Arduino UNO

Hardware da placa

Conversor Serial/USB Chip responsável pela conversão e comunicação entre o computador e o Arduino, possibilitando o upload do código binário criado e gerado através da IDE do Arduino
Cristal Clock 16Mhz Responsável por determinar com precisão a sincronia de tempo das operações de um microcontrolador
Conector USB Entrada do cabo USB para programar na placa.
Conector DC de 7~12v Conector de entrada para alimentação da placa.
Reset Botão utilizado para reiniciar o sistema caso necessário.
Microcontrolador CI principal responsável por todo processamento do Arduino.
Led pino 13 Led para teste da placa, utliza-se o pino 13 como saída, através do código de exemplo Blink encontrado na IDE do Arduino.
Conector ICSP São os pinos responsáveis para programar diretamente os microcontroladores da placa usando o protocolo serial SPI.
Led Power O led que indentifica se placa está energizada.
Leds de comunicação Leds TX e RX responsáveis pela indentificação no processo de comunicação com o arduino.
Entradas e saídas digitais Pinos que podem ser configurados através do código fonte como entradas ou saídas digitais.
Entradas analógicas ou saídas digitais Pinos que também podem ser configurados através do código fonte como entradas ou saídas digitais, e ainda possuem a capacidade de serem analógicos, ou seja lerem valores de tensão entre 0 e 5v.
Pinos de alimentação São conectores de alimentação para conexão de shields e módulos na placa.